Offshore

América do Sul terá as maiores adições do FPSO até 2025

América do Sul tem o maior número de unidades flutuantes de produção, armazenamento e descarga planejadas e anunciadas (FPSOs) a serem comissionadas até 2025, de acordo com um relatório da GlobalData.

Globalmente, 74 FPSOs planejados e anunciados devem se tornar operacionais para o período de previsão entre 2018 e 2025.

Intitulado ‘Quarterly Global FPSO Industry Outlook – Brasil lidera as implantações de FPSO na América do Sul’, o relatório fornece detalhes sobre FPSOs planejados e anunciados em termos de região para o período de previsão.

A América do Sul ocupa a primeira posição em termos de adições de FPSO planejadas e anunciadas até 2025 com 33, seguidas de África e Europa com 17 e sete, respectivamente.

Entre os países, o Brasil está definido para ter os maiores FPSOs planejados e anunciados, com 27, e os locais subseqüentes na lista de países são detidos por Angola, Nigéria e Austrália, com seis, cinco e quatro unidades, respectivamente.

“Globalmente, 74 FPSOs planejados e anunciados devem se tornar operacionais para o período de previsão entre 2018 e 2025.”

Entre as operadoras, Petróleo Brasileiro (23), Saipem (3), Statoil (3), Premier Oil (3) e Modec (3) devem ter as maiores adições de FPSO até 2025.

As nações sul-americanas Guiana e Ilhas Falkland, do Brasil, devem ter três FPSOs cada.

Das 17 adições do FPSO programadas para entrar na África, Angola lidera com seis, seguida pela Nigéria com cinco.

A Ásia testemunhará a adição de cinco FPSOs planejados e anunciados nos próximos quatro anos, com a Índia pronta para ter dois, enquanto os três restantes estarão na Malásia, China e Indonésia.

Entre os países europeus, o Reino Unido terá duas adições anunciadas e uma prevista para o FPSO até 2025, enquanto a Noruega participará com quatro FPSOs planejados e anunciados.

Desde que o relatório anterior foi publicado em janeiro deste ano, o segmento FPSO viu o adiamento dos anos iniciais de três FPSOs globalmente, enquanto cinco foram anunciados e um foi arquivado.

Voltar ao Topo