Mineração

Avanco elimina a produção de minas de cobre no Brasil por greve de caminhoneiros

A australiana Avanco Resources (ASX: AVB) disse na terça-feira que suspendeu as operações da usina e a maioria das atividades de mineração do Antas no Brasil, como resultado de uma greve paralisante de nove dias que levou a grandes faltas e interrupções na América Latina. maior nação.

A empresa havia avisado na semana passada que as operações na mina a céu aberto seriam afetadas pela greve, já que o combustível e os consumíveis não seriam entregues no local, enquanto os bloqueios nas rodovias impediam o envio da produção para o porto.

Além das atividades na Antas sendo reduzidas, a Avanco também disse que suspendeu o programa de perfuração em seu projeto de cobre Pantera, que adquiriu em janeiro da gigante de mineração Vale (NYSE: VALE).

A empresa notou que tinha capital de giro suficiente para continuar pagando os credores, mas disse que o impacto da greve nos custos operacionais e na orientação de produção para 2018 poderia ser determinado com precisão no momento.

Protestos de motoristas bloquearam estradas em todo o país devido a um aumento nos custos do diesel de 3,36 reais (0,92 dólar) por litro em janeiro para 3,6 reais (0,96 dólares) antes da greve. Em 26 de maio, atingiu 3,8 reais (US $ 1,02) por litro.

Voltar ao Topo