Obras e Paradas

Construção de Siderúrgica vai mudar realidade em Bacabeira gerando mais de 10 mil empregos

A China Brazil New Energy Environment International Investment (CBSteel) apresentou na última semana, no Seminário Mais Desenvolvimento, promovido pelo Governo do Estado, o projeto de uma indústria siderúrgica que pretende implantar no município de Bacabeira, cujas obras deverão começar ainda no segundo semestre deste ano.

A empresa chega ao Maranhão após três nos de negociação com o Governo do Maranhão. O investimento anunciado é de até US$ 8 bilhões – em duas fases – para produção de até 10 milhões de toneladas de aços longos.

O cronograma prevê o início da construção ainda no segundo semestre de 2018 e das operações até 2022. Nos cálculos do Governo, entre empregos diretos e indiretos, o negócio pode gerar 10 mil postos de trabalho na obra e 2.500 na fase operacional, criando uma nova cidade inteligente na região de Bacabeira.

“O estado do Maranhão é uma terra promissora. Amamos este solo e as pessoas dessa terra. Faremos grandes contribuições ao desenvolvimento da economia. Nos tornaremos cidadãos do Maranhão. A CBSteel é uma grande aliança com mais de 30 parceiros e o começo do projeto de construção é só o primeiro passo. Sob a liderança do Estado do Maranhão, o projeto da CBSteel irá atingir o êxito pretendido”, conta Zhang Shengsheng, CEO da CBSteel.

“Nós acreditamos na força do empreendedorismo, dos empresários do Maranhão, mas precisamos de uma força a mais, por isso temos buscado investidores que possam nos ajudar e vemos o momento especial desse trabalho no resultado de três anos de diálogo, que é a instalação da CBSteel no Maranhão”, disse o governador após a explanação do executivo chinês.

Empresários chineses fizeram anúncio em seminário do Governo do Estado

Seminário – Realizado pela Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Energia (Seinc), o evento tem como objetivo debater investimentos, geração de emprego e incentivos à produção no Maranhão, por meio dos programas desenvolvidos pelo Governo do Estado para impulsionar o setor produtivo.

“Esse é o desfecho muito importante do Governo Flávio Dino nesse último ano de gestão. O Governo, desde o seu primeiro ano, sinalizou positivamente ao diálogo, à transparência, à aproximação”, destaca o secretário de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), Simplício Araújo.

No seminário serão formuladas iniciativas para estimular as cadeias produtivas. Na programação, feira de negócios com mais de 90 expositores de empresas locais e de outros estados, possibilitando novos canais de comercialização aos empresários, além de acesso a informações qualificadas.

Entre os presentes na abertura do seminário, pequenos, médios e grandes empresários maranhenses, líderes de setores, poder público, acadêmicos e instituições financeiras.

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com