Energia

Energia eólica mais barata do que nunca no Brasil

A demanda reprimida e o equipamento mais barato ajudaram a reduzir os preços da energia eólica para o menor nível no Brasil, e quase alcançando o recorde da América Latina.

A Electricite de France SA obteve contratos para vender energia por 67,6 reais (US $ 20,23) por megawatt-hora de quatro projetos de energia eólica, segundo resultados publicados na quarta-feira pelo Conselho de Comercialização de Energia Elétrica do Brasil. Isso chegou perto de uma oferta da rival Enel SpA de US $ 18,14 por megawatt-hora em um leilão mexicano em novembro.

Com a economia brasileira se recuperando de sua pior recessão, a demanda por energia está aumentando. O governo cancelou dois leilões de energia em 2016, colocando freios em novas usinas, e os desenvolvedores agora estão ansiosos para fazer com que seus projetos se movam. Isso ajudou a impulsionar as licitações no leilão e, com os preços das turbinas continuando a cair, os participantes estavam prontos para ir para baixo. Os vencedores deverão gerar cerca de 5,3 bilhões de reais de investimento.

“Do ponto de vista internacional, vimos preços realmente competitivos, principalmente para energia eólica e solar”, disse Tiago Correia, diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), após o leilão.

Preços de teto

Foram 39 projetos no leilão que renderam 1.024 megawatts de nova capacidade de energia. Os projetos de energia eólica, solar, pequenas hidroelétricas e movidos a biomassa devem ser concluídos dentro de quatro anos. Os parques eólicos da EDF terão capacidade total de 114,4 megawatts.

Nos leilões de energia do Brasil, os organizadores definem um preço máximo e os desenvolvedores diminuem o valor pelo qual eles estão dispostos a vender energia, com as ofertas mais baixas ganhando contratos. A oferta da EDF foi 73% abaixo do teto de 255 reais por megawatt-hora.

  • A Solar dominou o leilão, com 29 projetos vencendo contratos de 806,6 megawatts. O preço médio foi de 118,07 reais por megawatt-hora, 62 por cento abaixo do preço máximo estabelecido pelos reguladores
  • Desenvolvedores do setor solar se reuniram para o evento porque não podem participar do próximo leilão, marcado para o segundo semestre deste ano
  • Os desenvolvedores de biomassa obtiveram contratos de 61,8 megawatts de capacidade a um preço médio de 198,94 reais por megawatt-hora, abaixo do teto de 329 reais.
  • Usinas hidrelétricas receberam ofertas de 41,6 megawatts a um preço médio de 198,12 reais, abaixo do teto de 291 reais

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com