Óleo e Gás

Melhoram as perspectivas para o setor de óleo e gás

Depois da realização de três bem sucedidos leilões de áreas de petróleo, o governo quer mostrar que o Brasil tem uma indústria competitiva de óleo e gás que deve reagir com a previsão de aumento da demanda por serviços. “Existe um lado competitivo da indústria e a ideia é mostrar. Há empresas competitivas dentro da própria Abimaq”, afirma o secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia (MME), Márcio Félix Bezerra. Ele refere-se à Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos. Cita como exemplo empresas que exportam a partir do Brasil, as multinacionais Caterpillar e a Tenaris.

Em evento que mostrou o “circuito virtuoso” da indústria brasileira afirmou; “Queremos deixar claro que o Brasil tem polos competitivos. Operadores ou afretadores que irão construir novas unidades devem conhecer essas empresas, com qualidade e padrão internacionais”, diz o engenheiro Marcos Assayag, novo diretor-geral da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip).

Assayag, que já ocupou vários cargos executivos no Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes) da Petrobras, observa que no caso da Caterpillar, mesmo sendo uma empresa “top” as encomendas são feitas no exterior. “A Caterpillar é conhecida mundialmente, é competente, mas os afretadores compram da empresa na Alemanha e não na do Brasil”, exemplifica.

Agora o MME, com apoio da Onip e do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, quer estimular a apresentação das brasileiras para fornecedoras de bens e serviços que serão contratadas pelas petroleiras. “Se falava no passado que se pagava mais caro [no Brasil]. A ideia visitar as indústrias e mostrar que são competitivas. E, caso não forem, é preciso correr atrás”, afirma Assayag.

Segundo Félix Bezerra, o governo busca incentivar com equilíbrio. “As empresas instaladas no Brasil podem ser competitivas e atuar em todo o Atlântico Sul”, diz. Devido à proximidade geográfica, é possível acessar os mercados da África que produzem petróleo, o que é um sonho antigo da indústria brasileira. Existe uma excelente oportunidade nascendo com empresas que têm demandas”, diz.

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com