Offshore

MODEC recebe contrato da Petrobras para entregar FPSO

A Petrobras , operadora do Consórcio Libra , concedeu à MODEC Inc. o contrato de fornecimento, fretamento e operação do FPSO do Mero Pilot.

A MODEC é responsável pela engenharia, aquisição, construção, mobilização, instalação e operação do FPSO, incluindo equipamentos de processamento de topsides, bem como sistemas de casco e marinha. SOFEC Inc., uma empresa do grupo MODEC, projetará e fornecerá o sistema de amarração espalhada.

O FPSO será implantado no campo Mero , localizado na área noroeste do bloco Libra na bacia do presalt Santos, a cerca de 180 km (112 mi) da costa do Rio de Janeiro. A profundidade da água é de 2.100 m (6.890 pés).

O FPSO será capaz de processar 180.000 b / d de petróleo bruto, 12 MMcm / d de gás, 225.000 b / d de injeção de água e capacidade de armazenamento de 1.4 MMbbl de petróleo bruto.

O projeto inclui a interligação de até 17 poços para o FPSO. O primeiro óleo está previsto para 2021.

A Petrobras e a MODEC disseram que o navio será entregue com conteúdo local brasileiro. O período fixo do contrato é de 22 anos.

O Consórcio Libra é formado pela Petrobras (operador, 40%), Shell Brasil (20%), Total (20%), CNPC (10%), CNOOC Ltd. (10%) e Pré-Sal Petróleo SA estatal , como gerente do contrato de compartilhamento de produção.

O 14º navio FPSO / FSO que o MODEC fornecerá no Brasil, bem como o seu sétimo FPSO no pré-requisito.

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com