Empregos

Obras da Transnordestina serão retomadas em 2017

Portal do Governo do Estado do Piauí

O ano de 2017 deve ser marcado pela retomada das obras da Transnordestina, no Piauí e demais estados cortados pela linha férrea. O Ministério da Integração Nacional anunciou nessa terça-feira (20), que o governo federal vai liberar R$ 430 milhões para o reinício da construção da ferrovia que liga Piauí, Ceará e Pernambuco.

Do total, R$ 300 milhões virão do Fundo de Investimentos do Nordeste (Finor), ligado ao Ministério da Integração Nacional. Os R$ 130 milhões restantes sairão da Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S. A., ligada ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

Segundo o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, a primeira parte do valor a ser liberado pelo Finor será de R$ 152,7 milhões e permitirá a retomada das obras. Outros R$ 150 milhões estão condicionados à comprovação da execução dos serviços durante 2017.

O projeto da Transnordestina prevê 2.304 quilômetros de ferrovia, beneficiando 81 municípios – 19 no Piauí, 28 no Ceará e 34 em Pernambuco. São 424 km de ferrovia em território piauiense. A Transnordestina Logística, responsável pelas obras da ferrovia, se comprometeu a apresentar em 50 dias um plano de trabalho sobre a aplicação dos recursos e as metas para dar impulso à execução dos serviços, disse o ministério em comunicado.

A Transnordestina já recebeu cerca de R$ 6,3 bilhões, dos quais cerca de R$ 3,4 bilhões são referentes a financiamentos federais, disse o ministério. Faltam cerca de R$ 5 bilhões para conclusão da obra, segundo previsão orçamentária inicial do governo.

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com