Naval

Petrobras recebe licença de instalação para FPSO de Búzios 4

A Petrobras recebeu do Ibama, no dia 25 de abril, a licença de instalação da P-77, FPSO que será interligado ao sistema de produção de Búzios 4, na Bacia de Santos. A licença tem validade até 2022. Até o momento, o projeto de desenvolvimento do campo já teve quatro poços perfurados.

A previsão de início de operação da P-77 é para 2019. Com capacidade de produção de 150 mil barris/dia e 7 milhões de m³ de gás natural, o FPSO será instalado em lâmina d’água de 2.000 m. A plataforma foi integrada no Estaleiro QGI, no Rio Grande do Sul. Algumas etapas do projeto, como a construção de módulos e cascos, foi feita na China.

Búzios, na parte Norte da Bacia de Santos, é a principal área sob contrato da Cessão Onerosa, firmado em 2010. A declaração de comercialidade ocorreu em dezembro de 2013. Para este campo, segundo o PNG 2018-2022, estão programadas cinco unidades: P-74, P-75, P-76 (todas para o segundo semestre de 2018), P-77 (2019) e Búzios 5 (2021), que teve a entrega das propostas da licitação adiada pela oitava vez, para o dia 15 de maio.

No dia 20 de abril, a Petrobras estreou a produção do campo, a partir da entrada em operação da P-74, unidade que inaugurou o módulo I, explotado na parte central.

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com