Óleo e Gás

Petrobras vende petroquímica de Suape e chega perto da meta do ano

A Petrobrás chega ao final do ano muito perto de bater a meta de vender  alguns de seus ativos para arrecadar 15 bilhões de dólares. Com a autorização de seu Conselho de Administração, a companhia vendeu o seu complexo petroquímico de Suape, em Pernambuco, e a parte que detinha na  usina de açúcar e álcool Guarani. Com essas vendas a companhia chegou a 91 % do valor que pretendia arrecadar com as vendas. A meta só são foi alcançada pelo impedimento judicial da venda dos campos de petróleo de Tartaruga Verda, na Bacia deCampos, e Baúna, na Bacia de Santos.

O complexo petroquímico será adquirido pela mexicana Alpex por 385 milhões de dólares. A Alpex atua no  setor petroquímico e na produção de fibras têxteis. A Tereos Internacional, que já detém 54,1% da Guarani, também de biocombustíveis, comprou a participação da Petrobrás  ações por US$ 202 milhões. A Petrobrás investiu RS$ 11,5 bilhões na construção do Complexo petroquímico de Suape para produzir matérias primas como resina PET e fibras têxteis, mas só acumulou prejuízos

Voltar ao Topo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com