A empresa de private equity Casaforte Investimentos assinou um acordo para construir um parque eólico que abastecerá as fábricas de bebidas da Ambev no nordeste do Brasil.

A instalação também abastecerá as cinco cervejarias Budweiser da empresa no Brasil.

A Casaforte Investimentos será responsável pela construção das instalações eólicas em uma área de 1.600ha na Bahia, Brasil.

Como parte do contrato, a Ambev pagará à Casaforte Investimentos aproximadamente R $ 600 milhões (US $ 145 milhões) por 15 anos.

O vice-presidente de sustentabilidade e cadeia de suprimentos da Ambev, Rodrigo Figueiredo, disse à Reuters que “este contrato de compra de energia reduzirá 20.000 toneladas de emissões de dióxido de carbono por ano, o que equivale a remover 35.000 carros das ruas por ano”.

Diz-se que a Casaforte Investimentos obteve todas as licenças para a instalação eólica. As obras do novo parque eólico devem começar no próximo ano.

A empresa prevê que a instalação eólica iniciará suas operações comerciais no início de 2022 e terá capacidade para gerar mais de 80 MW de energia limpa.

A energia gerada pela instalação proposta atenderá a 30% das necessidades de energia das cervejarias da Ambev no Brasil.

O acordo faz parte da estratégia da Anheuser-Busch InBev de impulsionar suas operações usando fontes de energia renováveis ​​até 2025.

Em junho, a Ambev assinou um contrato de R $ 140 milhões (US $ 33,6 milhões) com quatro parceiros para construir 31 usinas solares para alimentar todos os seus 94 centros de distribuição no país.

Figueiredo acrescentou: “Desta vez, escolhemos um parque eólico porque é mais viável para alta tensão, mas estamos realizando estudos para outras regiões e a tecnologia dependerá das condições”.