Indústria

Atividade na indústria paulista cresce 0,7% em outubro, aponta Fiesp

O Indicador de Nível de Atividade (INA) da indústria paulista subiu 0,7% em outubro, na comparação a setembro pela série com ajuste sazonal. Sem o ajuste, o INA avançou 4,1%. No ano, a atividade industrial no Estado cresce 1,1%. De acordo com a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), houve em relação a setembro avanço de 2,6% nas vendas reais e de 0,5% nas horas trabalhadas na produção.

O Nível de utilização da capacidade instalada (Nuci) ficou estável. Já os salários reais médios apresentaram queda de 1,1%. Todos os resultados são dessazonalizados.

Para José Ricardo Roriz Coelho, segundo vice-presidente da Fiesp, o avanço de 0,7% da atividade industrial em outubro indica um bom início de trimestre. “O bom desempenho deve se manter em novembro, conforme sinalizado pelo Sensor, impulsionado, principalmente, pela melhora do setor de atuação das empresas e suas vendas”, afirmou em nota. Para ele, medidas como a liberação dos recursos do FGTS e redução da taxa Selic devem manter os resultados positivos nos próximos meses.

O Sensor, também medido pela Federação, ficou acima da linha de estabilidade, marcando 51,5 pontos, com ajuste sazonal, indicando aumento da atividade industrial paulista em novembro.

A variável mercado marcou 59,2 pontos, indicando melhora no setor de atuação das empresas. Vendas subiram e registraram 51,9 pontos, indicando aumento das vendas para o mês.

Voltar ao Topo