Notícias

Bourbon confirma morte de mais dois tripulantes depois de afundar navio

O proprietário da embarcação francesa Bourbon relatou a morte de outros dois tripulantes da embarcação Bourbon Rhode que desapareceram após o naufrágio da embarcação no Oceano Atlântico no último fim de semana.Após o incidente na semana passada em que o navio Bourbon Rhode se viu perto do olho do furacão Lorenzo e afundou no Atlântico , três tripulantes foram resgatados e onze estavam desaparecidos. Na segunda-feira, 30 de setembro, Bourbon confirmou a morte de um membro da tripulação.

Em sua última atualização divulgada na terça-feira, Bourbon disse: “Os corpos de nossos dois marinheiros foram recuperados no mar na noite passada e transferidos para a fragata da Marinha francesa“ Ventôse ”. Bourbon fica ao lado das famílias dos marítimos e está totalmente mobilizado para apoiá-los neste momento terrível. ”

A empresa acrescentou que as operações de pesquisa realizadas pelas autoridades francesas com o apoio das autoridades americanas fazem parte de medidas excepcionais, intensificadas ainda mais nos últimos dias. Desde o início das operações, em 26 de setembro, dez navios comerciais foram mobilizados na área.

Segundo Bourbon, os sobrevôos diários são realizados por um Falcon 50 da Marinha Francesa, apoiado por uma aeronave C 130 Hercules da Guarda Costeira dos EUA. A fragata da Marinha, acompanhada por seu helicóptero “Pantera”, está no centro do sistema e coordena a grade de quase 40 áreas de busca.

O CEO da Bourbon Corporation, Gaël Bodénès , declarou: “Em nome de todos os funcionários da BOURBON, eu gostaria de prestar homenagem aos velejadores falecidos. Nossos pensamentos e orações estão com as famílias e entes queridos que estão de luto por esse evento dramático. Temos total solidariedade com eles nesta provação e garantimos a eles o nosso mais forte apoio. As operações de pesquisa continuam neste sexto dia e a mobilização do mundo marítimo é inédita. Gostaria de expressar nossa gratidão a todas as equipes de pesquisa e àqueles que são voluntários. 

 

Voltar ao Topo