Energia

Brasil antecipa US $ 14,4 bilhões em investimentos da DG até 2027

O governo brasileiro espera que BRL 60 bilhões (USD 14,4 bilhões / EUR 13 bilhões) sejam investidos em sistemas de geração distribuída (DG) até 2027, anunciou o Ministério de Minas e Energia na quarta-feira.

Estima-se que o país atinja 12 GW de capacidade instalada com 1,35 milhão de novos sistemas distribuídos de micro ou minigeração nos próximos oito anos.

Segundo o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia, Reive Barros, o Brasil tem várias opções para desenvolver projetos solares da DG, incluindo o Projeto de Integração do Rio São Francisco (PISF) com operação integrada de energia solar e hidrelétrica.

O ministério também mostrou dados do Planejamento Decenal de Expansão de Energia para 2027 (PDE 2027), afirmando que o Brasil tem 164 GW de potencial de DG. O PDE 2027 também mostra que as energias renováveis representarão 47,5% do suprimento total de energia, contra 43,2% hoje.

Voltar ao Topo