Notícias

Brasil vai negociar com os EUA o uso da Base de Alcântara

Os governos do Brasil e dos EUA na próxima semana vão assinar um novo acordo sobre salvaguardas tecnológicas, permitindo que os EUA usem a base de lançamento de foguetes de Alcântara, no estado do Maranhão.

A assinatura ocorrerá durante a visita do presidente Jair Bolsonaro aos EUA, que começa no domingo (17 de março). Foi anunciado nesta quinta-feira (14) durante transmissão ao vivo nas mídias sociais do presidente, ao lado do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Sem entrar em detalhes sobre os termos do acordo, o chanceler afirmou que o objetivo é transformar a Base de Alcântara no principal local de lançamento de foguetes em bases comerciais.

Bolsonaro acrescentou que, desde o governo do ex-presidente Lula (2003-2020), houve esforços para negociar os termos de uma parceria em Alcântara. Questões “ideológicas”, no entanto, ficaram no caminho, ele disse.

Outras ofertas

Durante sua visita a Washington, Bolsonaro também planeja falar sobre acordos de energia, segurança e defesa nacional, biodiversidade e agricultura. Araújo reiterou que existe uma “conexão” entre a economia brasileira e a americana, especialmente no setor privado.

Araújo disse que Bolsonaro e Trump vão discutir a crise na Venezuela. Ambos mostraram apoio a Juan Guaidó, o autoproclamado presidente da Venezuela, e defendeu a ajuda humanitária e a adoção de medidas contra o governo de Nicolás Maduro. ( EBC)

Voltar ao Topo