Notícias

Brasileiros pedem a Bolsonaro que não comente o ataque dos EUA no Iraque

Os internautas mostraram seu ‘medo’ da reação do presidente Jair Bolsonaro, conhecido por seus comentários incendiários e por ser um admirador de Donald Trump.

O ataque dos EUA em Bagdá, que encerrou a vida do general-general iraniano Qassem Soleimani e outras figuras militares iraquianas, representa uma nova escalada de tensões entre Washington e as nações do Golfo Pérsico e causou toda uma série de especulações nas redes sociais sobre as consequências terá.

Enquanto o líder supremo do Irã, Ali Hoseiní Khameneí, prometeu vingança, o presidente dos EUA, Donald Trump, publicou um tweet com a bandeira americana e escreveu várias mensagens para justificar as ações em Bagdá.

No entanto, do outro lado do mundo, os internautas no Brasil ‘temem’ a reação do presidente Jair Bolsonaro, conhecido por seus comentários incendiários e também por ser um grande fã de seu colega americano, Donald Trump.

“O Irã nunca venceu uma guerra, mas nunca perdeu uma negociação”, twittou Trump e depois comentou que Teerã ganhou maior controle sobre o Iraque nos últimos 15 anos.

“O povo do Iraque não quer ser dominado e controlado pelo Irã, mas, em última análise, essa é a escolha deles. Nos últimos 15 anos, o Irã ganhou cada vez mais controle sobre o Iraque e o povo do Iraque não está feliz com isso. Isso nunca vai acabar bem! “, declarou.

Até agora, sem dar uma opinião sobre o que aconteceu, Bolsonaro simplesmente disse que o ataque poderia “complicar” o mercado de combustíveis no país sul-americano. O ultra-direitista deve se reunir nesta sexta-feira com o ministro da Segurança Institucional, Augusto Heleno, para tratar do assunto.

Bolsonaro entrando no twitter vendo ele nos trending topics:

Video insertado

#BolsonaroStaySilent Bolsonaro se une ao twitter vendo-o sobre tópicos de tendências.

Mas nas mídias sociais, duas hashtags se posicionaram como ‘tópico de tendência’, #BolsonaroFicaCalado [Bolsonaro, fique quieto] e #BolsonaroFicaQuieto [Bolsonaro, fique parado]. A maioria das publicações é acompanhada de memes que, em tom de humor, expressam preocupação com a reação do presidente.

Voltar ao Topo