Notícias

Cargas no porto do Rio de Janeiro crescem 6,5% em 2019

Cargas no porto do Rio de Janeiro crescem 6,5% em 2019

O Porto do Rio de Janeiro movimentou 3,5 milhões de toneladas de cargas no primeiro semestre de 2019. As maiores altas foram de carga conteinerizada e de granéis sólidos, que cresceram 14,7%, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados pela Gerência de Inteligência de Mercado e Estatística da Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ).

No volume total de cargas movimentadas, houve um acréscimo de 6,5% em relação ao primeiro semestre de 2018, sendo que 2.014.167 toneladas foram de contêineres e 1.017.910 toneladas de granéis sólidos. A movimentação de contêineres e de granéis sólidos representou, neste exercício, respectivamente, 57,6% e 29,1%, do total operado no Porto do Rio de Janeiro.

Os dois terminais de contêineres – Libra Terminal Rio e MultiRio Operações Portuárias – movimentaram juntos 172 mil TEU, um aumento de 13%, sendo o crescimento registrado tanto na navegação de longo curso como também na cabotagem. Considerando os granéis sólidos mais movimentados no Porto do Rio de Janeiro, destaca-se o crescimento de 62% na exportação do ferro gusa para os Estados Unidos e de 31% na importação de concentrado de zinco, de Calao, no Peru.

Porto do Rio de Janeiro

Porto do Rio de Janeiro é um porto da cidade do Rio de Janeiro, capital do estado homonimo, no Brasil. É compreendido em parte do Centro, Gamboa, Saúde, Santo Cristo e do Caju. Também é denominado de Porto Maravilha e Zona Portuária.

Estabeleceu-se numa enseada da costa ocidental da baía de Guanabara, situado a 22 54´23“ de latitude sul e a 43 10’ 22” de longitude oeste de Greenwich (coordenadas do antigo observatório Astronômico).

Voltar ao Topo