Notícias

Centro de pesquisas de petróleo receberá investimento de R$ 50 milhões

O investimento será realizado para a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) inaugurou em fevereiro deste ano um novo centro de pesquisas ligadas ao petróleo. Com um acordo feito entre a Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapesp) e a estatal norueguesa Equinor, da área de energia a instituição de ensino conseguiu vencer o edital dos parceiros. O projeto irá aplicar o valor de R$ 25 milhões na universidade nos cinco anos primeiros anos e o mesmo valor no quinquênio seguinte.

De acordo com o direto do do Centro de Estudo de Petróleo (Cepetro), este projeto busca a produção de petróleo de forma sustentável com soluções inovadoras no descarte do CO2 (gás carbônico) assim tornando todo processo mais sustentável.

Em 2018 o Cepetro assinou mais de R$ 120 milhões em projetos voltados para diversas áreas de conhecimento ligadas ao setor de petróleo e gás. Ainda existe um acordo que prevê mais R$ 25 milhões nos cinco anos posteriores.

 

As atividades do centro de pesquisa só terá funcionamento integral em mais de um ano, mas já é possível realizar algumas atividades. Estão envolvidos neste projeto 12 professores que contam com espaços para acomodar os projetos no próprio setor. Os professores contam com 60 pessoas, cada um, envolvendo estudantes e pesquisadores. A Unicamp prevê um déficit orçamentário de R$ 169 milhões.

Voltar ao Topo