Gás Natural

Executivos debatem preço do gás com Paulo Guedes

Na última semana, aconteceu no Rio de Janeiro o primeiro encontro entre a Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim) com empresas da indústria química, junto ao ministro da Economia, Paulo Guedes. Na reunião, foi enfatizada a problemática do preço do gás natural e a importância de sua queda para a economia brasileira.

Entre as dez empresas presentes na conversa, estavam representantes da Braskem, Basf e Solvay. O preço do gás é um dos principais pontos de atenção do setor, e segundo os executivos, a indústria opera, hoje, com ociosidade de 30%. Os presentes destacaram que a capacidade poderia ser melhorada se houvesse condições mais favoráveis e um aumento da competitividade do produto químico brasileiro.

O ministro da Economia não se comprometeu com prazos exatos para abaixar o preço do gás, mas disse esperar que as próximas rodadas de licitações mostrem evolução nesse sentido. Na representação administrativa do Ministério da Economia no Rio, a reunião foi a primeira diretamente com o ministro Paulo Guedes.

Voltar ao Topo