Notícias

Ministério da Saúde lança serviço online para tirar dúvidas sobre o coronavírus

Ministério da Saúde

Para utilizar o serviço do “Ministério da Saúde Responde!” contra o coronavíurs, é preciso incluir o número +55 61 9938-0031 entre os contatos no aplicativo WhatsApp.

O Ministério da Saúde divulgou nesta quinta-feira (26) uma conta automatizada no aplicativo WhatsApp para dúvidas sobre o novo coronavírus, para divulgar informações sobre o novo coronavírus e a doença Covid-19.

Ministério da Saúde

Tela inicial de conversa com o perfil do “Ministério da Saúde Responde” dentro do aplicativo WhatsApp.

Para utilizar o serviço do “Ministério da Saúde Responde!”, é preciso incluir o número +55 61 9938-0031 entre os contatos no aplicativo. A conta funciona traz orientações a partir de temas específicos. Não é possível tirar dúvidas direto com um atendente: o funcionamento é direcionado para informações relacionados ao tema.

Como observado na foto, são 10 tópicos com as principais dúvidas das pessoas, divididos entre informações sobre o COVID-19. Os primeiros 5 tópicos mostram como o vírus é transmitido, seus sintomas, a prevenção e o diagnóstico.

Os últimos 5, baseiam-se em dúvidas secundárias, sobre o isolamento domiciliar, tratamento, ações no Brasil, fakes News e verdades e o lado do profissional de sáude.

O que é coronavírus? (COVID-19)

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de coronavírus (COVID-19).

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1…

 

Voltar ao Topo