Naval

Novo contrato do Enseada beneficia setor naval baiano

Recentemente, o Estaleiro Enseada, instalado em Maragojipe, no Recôncavo baiano, recebeu novo contrato para a manutenção da embarcação norueguesa Unidade de Manutenção e Segurança (UMS) Safe Concordia, até 2020. Pesou na escolha do grupo investidor a localização estratégica, compromissos de prazos e a alta qualidade operacional do equipamento baiano. Para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), isto serve para reaquecer o setor da indústria naval baiana.

“O estaleiro Enseada é um celeiro de oportunidades, de produtividade de ponta e já chegou a empregar mais de 7 mil pessoas do Recôncavo, no período de 2014. Além de ser intensivo em mão de obra, o estaleiro é um negócio sistemista, que tem ampla capacidade de geração do desenvolvimento local. Esperamos que outros contratos possam chegar e dar novo vigor econômico àquela região”, afirma João Leão, vice-governador e titular da SDE.

De acordo com Carlos Tsubake, diretor Comercial da Enseada, a vantagem do parque industrial é o suprimento de energia elétrica de alta qualidade (29MW e 69KV), que dispensa a utilização dos geradores da plataforma. Dessa forma, resulta em economia para o cliente.

Voltar ao Topo