Notícias

Oferta de ações privatizará BR Distribuidora

Por meio de oferta secundária de ações ao mercado, a Petrobras reduzirá, de 71,25% para 45,25%, sua participação no capital da BR Distribuidora. Se a demanda aumentar a ponto de os lotes adicional e suplementar também serem negociados, ficará com 37,5% das ações. Dessa forma, abrirá mão do controle acionário da subsidiária. Na prática, a BR passará a ser, após a oferta, uma empresa privada.

Considerando a cotação atual do papel da BR, a operação pode movimentar de R$ 6,9 bilhões a R$ 9,3 bilhões, recursos que, descontados os custos de emissão, vão para o caixa da Petrobras. Se a venda chegar ao patamar mais alto da demanda, será a maior operação do mercado em quatro anos. Fatia mínima de 10% e máxima de 20% será destinada a investidores de varejo.

Voltar ao Topo