Energia

Parceria entre startup japonesa e empresa brasileira deve alavancar produção de energia solar no país

Na última semana uma parceria entre uma startup japonesa e uma empresa brasileira de Brasília foi divulgada no país a fim de alavancar a produção de energia solar no Distrito Federal. Através da construção de uma usina solar, o projeto deve entrar em operação ainda em maio deste ano e pretende produzir inicialmente 1,04 megawatt por mês.

Chamado de Fazsol Energias Renováveis, o projeto será administrado pela startup Shizen Energy e pelo grupo brasiliense de construção Espaço Y. De acordo com os especialistas japoneses a produção inicial é equivalente ao abastecimento de 350 casas, porém a expectativa é que a usina produza mais de 20 megawatts por mês, o que seria possível abastecer cerca de sete mil residências.

De forma diferenciada, o projeto permitirá que os interessados em instalar sistemas fotovoltaicos em seus imóveis aluguem o sistema e toda a parte de manutenção, desenvolvimento e demais ações que envolvem o mesmo. O investimento total segundo as empresas parceiras é de cinco milhões de reais por megawatt instalado. Já a economia por parte do interessado pode chegar até mais de 20% dos custos atuais com energia.

Além do Brasil, a startup japonesa já conta com outras parcerias pelo mundo como Vietnã, Indonésia e Estados Unidos. Para ela a ideia é aumentar cada vez mais a produção de energia renovável através do sol e fortalecer não somente as questões ambientais, mas também a economia de empresas e instituições.(Fonte).

Voltar ao Topo