Biocombustíveis

Petrobras anuncia fim da periodicidade de reajustes

Petrobras anuncia fim da periodicidade de reajustes

A Petrobras anunciou em nota que os reajuste de preços de diesel e gasolina comercializados em suas refinarias serão realizados agora sem periodicidade definida, de acordo com as condições de mercado e análise do ambiente externo. No comunicado, a estatal afirmou ainda que a medida “possibilitará a companhia competir de maneira mais eficiente e flexível”.

A medida foi aprovada pela diretoria executiva da Petrobras. “A aplicação imediata desta revisão permitirá à Petrobras, no momento, reduzir os preços do diesel acompanhando as variações dos preços internacionais observadas nos últimos dias” pontuou a companhia na nota. Nesta semana, a Petrobras baixou o preço da gasolina em cerca de 3%, para R$ 1,81 por litro, na segunda queda do mês para o combustível.

Em 1º de junho, a empresa já havia reduzido também o preço médio do diesel em 6% nas refinarias. Nesta quarta-feira, os preços do petróleo no mercado internacional recuaram 4%, para seus níveis mais baixos de fechamento em quase cinco meses, enfraquecidos por um novo aumento inesperado nos estoques do produto nos Estados Unidos e por uma previsão mais baixa para a demanda global.

No ano, contudo, o preço do petróleo Brent acumula alta de mais de 10%.

Já os preços dos combustíveis da Petrobras seguem acumulando altas no ano: 14% para o diesel; e 20% para a gasolina. No mesmo comunicado em que anunciou a revisão na periodicidade do reajuste, a empresa afirmou que “ficam mantidos os princípios que balizam a prática de preços competitivos, como preço de paridade internacional (PPI), margens para remuneração dos riscos inerentes à operação, nível de participação no mercado e mecanismos de proteção via derivativos”.

Voltar ao Topo