Indústria

Produção brasileira de aço bruto tem alta de 0,5% em fevereiro

Produção brasileira de aço bruto tem alta de 0,5% em fevereiro

As importações registraram crescentes de 1,3% no acumulado de 2019, comparativamente ao mesmo período do ano anterior, totalizando 380 mil toneladas.

Nos dois primeiros meses de 2019 a produção brasileira de aço bruto foi de 5,6 milhões de toneladas no acumulado, o que representa um avanço de 0,5% quando comparada com o ocorrido no mesmo período de 2018. A produção dos laminados está em 3,5 milhões de toneladas equivalente a uma retração de 5,5% comparativamente aos mesmos meses de 2018. Já a produção de semiacabados para vendas totalizou 1,4 milhão de toneladas, 4,2% inferior ao registrado no mesmo período de 2018[1].

Foram acumuladas em vendas internas 2,8 milhões de toneladas de janeiro a fevereiro de 2019, apresentando uma queda de 0,7% em relação aos mesmos meses de 2018. O consumo aparente nacional de produtos siderúrgicos somou 3,2 milhões de toneladas no primeiro bimestre de 2019. Comparando com o mesmo período do ano anterior, houve queda de 1,2%.

As importações registraram crescentes de 1,3% no acumulado de 2019, comparativamente ao mesmo período do ano anterior, totalizando 380 mil toneladas. Esse volume resultou em US$ 417 milhões de importação, uma redução de 1,2% na mesma base de comparação.

Quanto às exportações, a SECEX/MDIC mudou a metodologia [2] de coleta dos dados do Portal Único de Comércio Exterior, o que poderá gerar alterações e revisões significativas nos resultados de janeiro e fevereiro de 2019, assim como ocorreu entre agosto e dezembro de 2018. Até que o sistema esteja homologado, de forma a dar continuidade à tendência original dos dados, o Instituto Aço Brasil optou por não publicar, temporariamente, os indicadores de exportação.

Em fevereiro deste ano

A  produção brasileira de aço bruto foi de 2,7 milhões de toneladas, representando uma queda de 1,7% frente ao mesmo mês de 2018. Já a produção de laminados foi de 1,7 milhão de toneladas, 7,9% menor que o apurado em fevereiro de 2018. A produção de semiacabados para vendas foi de 700 mil toneladas, um aumento de 1,0% em relação ao mesmo mês de 2018¹.

O consumo aparente ficou em 1,6 milhão de toneladas em fevereiro de 2019, 3,7% superior ao registrado no mesmo período de 2018. As vendas internas apresentaram aumento de 2,8% contra fevereiro de 2018, volume de 1,5 milhão de toneladas.

As importações de fevereiro de 2019 aumentaram 28,5% em volume e cresceram 13,3% em valor em relação ao mesmo período de 2018, registrando 203 mil toneladas e US$ 205 milhões, respectivamente.

Quanto às exportações, a SECEX/MDIC mudou a metodologia² de coleta dos dados do Portal Único de Comércio Exterior, o que poderá gerar alterações e revisões significativas nos resultados de janeiro e fevereiro, assim como ocorreu entre agosto e dezembro de 2018. Até que o sistema esteja homologado, de forma a dar continuidade à tendência original dos dados, o Instituto Aço Brasil optou por não publicar, temporariamente, os indicadores de exportação.

Voltar ao Topo