Economia

Professores terão reajuste de 12,84% no piso salarial

Professores

Em transmissão ao vivo pela Internet, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciaram, na noite da última quinta-feira (16), o reajuste de 12,84% no piso salarial dos professores da educação básica da rede pública em início de carreira, para 2020. O valor passa de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24.

Economia do Brasil deve crescer lentamente este ano

O reajuste está previsto na chamada Lei do Piso (Lei 11.738), de 2008. O texto estabelece que o piso salarial dos professores do magistério seja atualizado, anualmente, no mês de janeiro. A regra está em vigor desde 2009, ano em que o valor de R$ 950,00 foi ponto de partida para o reajuste anual.

 

Professores

Twitter do ministro da Educação, Abraham Weintraub, divulgando o reajuste na última quinta-feira (16).

Teto do INSS aumenta e chega a R$ 6.101, confira 

CÁLCULO

De acordo com o Ministério da Educação o crescimento do valor anual mínimo por aluno como base para o reajuste do piso dos professores. Esse valor é estipulado com base em estimativas anuais das receitas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Para 2019, o valor chegou a R$ 3.440,29, contra R$ 3.048,73 em 2018. “O Fundeb, que é o fundo que a gente manda para os estados e municípios bancarem a educação fundamental básica, pras crianças pequenas, é fruto da melhora na economia”, afirmou Weintraub.

Voltar ao Topo