Obras e Paradas

Saiba em primeira mão quantos empregos serão gerados em obras da Usiminas ainda este ano

A Usiminas anunciou que irá investir R$ 219 milhões entre o final deste ano e o ano de 2020. O montante será investido em obras de manutenção do alto-forno 2 e também será utilizado para melhorar o sistema operacional da usina de Ipatinga, localizada em Minas Gerais.

O remanejamento do alto-forno 2 da Usiminas irá gerar 330 empregos na obra e deve prolongar a vida útil do reator químico em 20 anos. O último ajuste feito no equipamento foi há 20 anos. De acordo com o governo de Minas Gerais, o dinheiro também será utilizado para a compra de máquinas e equipamentos para a restauração do sistema de tubulação e coifa.

Além disso, os recursos da Usiminas também servirão para o rebalanceamento do sistema de despoeiramento das áreas de corrida do equipamento. A diretoria da Usiminas teve uma reunião com o governo de Minas Gerais na última quarta-feira (18) para formalizar o acordo de intenções. Thiago Toscano, presidente do Indi, agência de promoção de investimento do estado de Minas Gerais, falou sobre a importância do investimento para a empresa. “A Usiminas conseguirá aumentar a sua capacidade produtiva já em 2020.

O governo acertou o diferimento do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para peças importadas sem similar nacional. Esse foi mais um passo para o grande investimento da siderúrgica nos próximos anos, que é a reforma do alto-forno 3”, diz Toscano. A informação é do “Valor Econômico”.

Em 2018, a Usiminas investiu R$ 80 milhões na reforma do alto-forno 1. Juntos, os alto-fornos 1 e 2 produzem 4 mil toneladas de ferro-gusa por dia. Veja também: Sem aplicativos do Google, Huawei investe em desenvolvedores de softwares Lucro líquido da Usiminas no 2T19 A mineradora registrou lucro líquido de R$ 171 milhões no segundo trimestre deste ano.

A companhia havia registrado um prejuízo de R$ 19 milhões no mesmo período no ano anterior. “Indicadores recentes da atividade econômica apontam ritmo bem abaixo do esperado para este início de ano. Não obstante, a economia brasileira segue em processo de recuperação gradual”, informou a Usiminas em seu comunicado.

Voltar ao Topo