Empregos

Shell seleciona Engenheiro de Reservatório no Rio de Janeiro

A Shell abriu um processo seletivo para uma oportunidade de emprego na cidade do Rio de Janeiro. Para participar da seleção o candidato precisa se cadastrar no site da empresa.

De acordo com as informações divulgadas pela Shell, a vaga é para função de Engenheiro de Reservatório, que terá que cumprir as seguintes responsabilidades abaixo;

   Principais responsabilidades:

  • Fornecer atividades de vigilância e otimização com relação à aquisição de dados, interpretação e planejamento de ações na produção de campos maduros / verdes.
  • Realize análise de teste de poços, análise de desempenho / entrega de reservatórios, planejamento de gerenciamento de reservatórios, previsão de produção, análise de produtividade de poços e modelagem de vigilância apropriada (balanço de materiais, análise de declínio, modelagem de simulação numérica, modelagem PVT, análise transitória de pressão).
  • Otimizar o valor dos ativos com avaliação técnica e econômica de diferentes oportunidades de investimento versus estratégias de otimização.
  • Liderar como planejamento de negócios ou atividades de relatórios anuais de reservas.
  • Adquira e analise dados de subsuperfície estáticos e dinâmicos para atualizar modelos e recomendar procedimentos operacionais.
  • Avalie as reservas e forneça relatórios de reservas anuais para o plano de negócios, parceiros e ANP.
  • Modelagem de Support / Lead Production System Optimization (PSO) juntamente com os tecnólogos de produção.
  • Apoiar / liderar várias revisões do WRFM – de semanalmente, de mensal a anual
  • Assegure-se de que todas as técnicas de EOR aplicáveis ​​ao campo sejam avaliadas e implementadas quando viáveis.
  • Mantenha-se a par do desenvolvimento tecnológico na engenharia de reservatórios através da (s) rede (s) do Grupo Shell.
  • Desenvolvimento e treinamento de pessoal menos experiente em Engenharia de Reservatórios. Nutrir o pessoal local através de mentoring ativo e gestão IDP é de suma importância.

Como engenheiro sênior de reservatórios, o candidato terá chance de se tornar membro da equipe Well, Reservoir and Facility Management (equipe WRFM) apoiando os dois ativos operados pela Shell no Brasil, BC-10 e Bijupira-Salema.

Nesta função, o selecionado contribuirá para o desenvolvimento, manutenção e execução dos planos de gestão de reservatórios de curto a médio prazo da Shell Brasil realizados pela equipe do WRFM. Esses planos visam aumentar a base de reservas e manter a capacidade de produção dos ativos do BC-10 e da BJSA.

Candidate-se!

Interessados em participar da seleção e concorrer uma vaga para ser um membro do corpo de colaboradores desta grande empresa devem cadastrar seu currículo no site da mesma. Na área carreira na vagas que deseja concorrer  e preencher corretamente todos os campos.

Sobre a Shell

Fundada em Londres, em 1897, a Shell começou como uma pequena empresa comercial. Em 1903, ela se uniu a Royal Dutch Petroleum para se tornar uma das maiores empresas de energia do mundo.  Hoje, atuamos em 70 países e territórios e empregamos cerca de 92 mil funcionários concentrando nossos esforços em tecnologia e inovação para atender à demanda global por energia de maneira responsável. A Shell está presente no Brasil desde 1913. Nosso principal objetivo é atender as necessidades energéticas da sociedade hoje e no futuro, atuando de forma responsável nos âmbitos econômico, ambiental e social.

Temos cerca de mil funcionários no Brasil e nossa sede está localizada na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Uma das maiores empresas do mundo na área de Exploração e Produção, a Shell no Brasil tem um dos seus maiores desafios tecnológicos no segmento de Upstream.

A Shell foi a primeira empresa privada a produzir petróleo na Bacia de Campos após a abertura do mercado. Nossos projetos em águas profundas incluem Parque das Conchas, Bijupirá e Salema, Libra e a participação em 5 descobertas na Bacia de Santos (Lula, área de Iracema, Sapinhoá, Lapa, e a antiga grande área de Iara, atualmente Berbigão, Sururu e Atapú Oeste).

O segmento de Downstream inclui o negócio de Lubrificantes, Marine e a Raízen, uma joint venture para produção de açúcar e etanol, geração de energia elétrica, suprimento e distribuição de combustíveis para o varejo e comercial.

Voltar ao Topo