Offshore

Shell vai vender participação nos ativos do Golfo do México

A Shell Offshore Inc., uma subsidiária da Royal Dutch Shell plc, assinou um acordo para vender sua participação de 22,45% não operada no ativo Caesar-Tonga no Golfo do México dos EUA para a Delek CT Investment LLC, uma subsidiária da Delek Group Ltd (Delek) A consideração total para este negócio é de US $ 965 milhões em dinheiro.

O Contrato de compra e venda está sujeito a certas condições, incluindo aprovações regulamentares. A transação deve ser concluída até o final do terceiro trimestre de 2019.

“Essa transação representa nosso foco contínuo em posicionar estrategicamente nossos negócios em águas profundas para crescimento e é consistente com nossa estratégia Upstream de buscar projetos competitivos que agreguem valor nos anos 2020 e além”, disse Andy Brown, diretor de Upstream da Royal Dutch Shell. “A venda contribuirá para o programa de desinvestimento da Shell e nos permitirá direcionar recursos para as áreas onde vemos o maior valor no longo prazo.”

Espera-se que a produção global em águas profundas da Shell exceda 900.000 barris de óleo equivalente por dia (boe / d) até 2020, a partir de reservatórios já descobertos e estabelecidos. O portfólio inclui oportunidades de crescimento em nossas regiões do Golfo do México, Brasil, Nigéria e Malásia, bem como em bacias offshore emergentes como o México, Mauritânia e o Mar Negro Ocidental.

Voltar ao Topo