Mineração

Vale reduz projeção de produção de cobre e de vendas de minério de ferro

A projeção de produção de cobre passou do intervalo de 407 mil a 417 mil toneladas para 382 mil e 386 mil toneladas. Segundo a empresa, a revisão é em função de parada não programada de manutenção na correia transportadora e do moinho de bola da operação da mina do Sossego, em Carajás, no Pará. A retomada da produção é esperada para meados de dezembro.

A companhia reduziu o patamar mais alto de sua projeção para venda de minério de ferro e pelotas neste ano. Antes, a companhia previa que as vendas ficariam entre 307 milhões e 332 milhões de toneladas. Agora, a faixa mais alta é de 312 milhões de toneladas, dada a maior visibilidade sobre as vendas previstas para o quarto trimestre que deverá ficar entre 83 milhões e 88 milhões de toneladas.

A empresa disse ainda que, para o primeiro trimestre de 2020 a expectativa é que produção e vendas fiquem entre 70 milhões e 75 milhões de toneladas, “em função da sazonalidade, do retorno gradual e seguro das operações e em linha com a estratégia de margem sobre volume”.

Voltar ao Topo