Petróleo

Venezuela cai para o quarto maior produtor de petróleo da América Latina

A Venezuela, que tem mais petróleo do que a Arábia Saudita, ficou atrás de outros três países latino-americanos, com anos de má administração e falta de investimentos. 

O membro fundador da OPEP produziu 740.000 bopd em março, enquanto as reservas de petróleo da Colômbia são inferiores a 1% das da Venezuela, produzindo 884.815 bbl. A Venezuela tem reservas de petróleo de 302,3 Bbbl, enquanto o país vizinho da América Latina possui volumes quase tão grandes quanto os do Gabão, com 1,96 Bbbl.

A Venezuela, que já foi a principal fonte de petróleo bruto para as refinarias do Golfo dos EUA, viu sua participação cair para zero depois que os EUA impuseram uma proibição de fato das importações da Petroleos de Venezuela SA no final de janeiro. As produtoras colombianas de petróleo se esforçaram para preencher o vazio, como refinadoras de propriedade da Chevron Corp, Valero Energy Corp e até da Citgo Petroleum Corp – anteriormente controlada pelo regime de Nicolas Maduro e agora controlada pelo presidente interino Juan Guaido – desfiladeiro da Colômbia. . 

Atormentado por falhas crônicas de energia e falta de produtos químicos, a produção de petróleo na Venezuela tem caído na última década. No ano passado, o país produziu 1.354 MMbbl por dia, o menor em 69 anos. Antes o maior produtor de petróleo da América Latina, a Venezuela é agora a quarta maior, depois do Brasil, México e Colômbia.

Voltar ao Topo